Mensalidades escolares aumentam 7% na primeira semana de janeiro, segundo FGV

Mensalidades escolares aumentam 7% na primeira semana de janeiro, segundo FGV
Mensalidades escolares aumentam 7% na primeira semana de janeiro, segundo FGV
Uma pesquisa parcial do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV) aponta que, na primeira semana de janeiro deste ano, os reajustes das mensalidades escolares oscilaram entre 5% e 18%, apresentando aumento médio de 7%.

Como ocorre todos os anos, o reajuste mais aguardado é o das mensalidades escolares e do material escolar.

 Em 2009, por exemplo, os alunos matriculados no ensino elementar, fundamental e médio tiveram suas mensalidades aumentadas em aproximadamente 8%.
A média de todos os reajustes, incluindo o ensino superior e a creche, ficou em 6,72%.

A inflação de 2009, segundo o Índice de Preços ao Consumidor(IPC) da FGV, foi de 3,95%. Se a coleta, que será encerrada no final de janeiro, revelar um reajuste médio de 7%, haverá este ano aumento real de 2,93% para as mensalidades escolares.

O economista André Braz, da FGV, lembra que, nos últimos oito anos, o reajuste acumulado para os cursos formais foi de 70,68%, enquanto o IPC da Fundação Getulio Vargas subiu 60,37%, revelando um aumento real de 6,43% para as mensalidades escolares.

O ensino fundamental teve o maior reajuste (10,82%) em Recife e o menor (6,05%) em São Paulo, enquanto a média Brasil ficou em 7,54%.No ensino médio, Belo Horizonte registrou o maior aumento (8,15%) e Brasília o menor (6,53%). A média Brasil ficou em 7,35%.

Na pré-escola, a cidade de Recife teve aumento de 10,05%, o maior, e Rio e Salvador o menor, com 6,07%. A média Brasil foi de 6,67%.

No ensino superior, o Rio de Janeiro registrou aumento de 6,29%, e Recife, o menor reajuste, de apenas 0,78%. A coleta de preços foi feita sem sete capitais: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Salvador e Recife.

Agencia Envolverde/Adjorisc

Deixe uma resposta

inMarket